Tendências tecnológicas:
O que nos ensinou a covid

joao moreira abaco consulting

Artigo de Opinião de João Moreira, CEO da Abaco Consulting, publicado no Dinheiro Vivo: https://www.dinheirovivo.pt/opiniao/tendencias-tecnologicas-o-que-nos-ensinou-a-covid-13300564.html

Todos os anos discutimos quais são as tecnologias emergentes para aquele ano, se vamos assistir ao aparecimento de novas ou se será apenas a consolidação das já existentes. E quando 2020 começou, não foi diferente. Todos achávamos que seria um ano bastante positivo e as expectativas estavam altíssimas. Mas, de repente, quase da noite para o dia, vimos o mundo mudar. Parar. Confinar. A realidade que conhecíamos tinha desaparecido e a distância e o afastamento tinham-se tornado palavras de ordem.

Passado quase 1 ano, gostaríamos de dizer que tudo voltou ao normal, mas infelizmente ainda não é a altura certa e não saberemos quando será. Muito aconteceu e 2020, foi um ano pesado, triste, solitário, mas ao nível da tecnologia podemos afirmar que foi, sem dúvida, um ano de evolução, crescimento e no qual as empresas tiveram obrigatoriamente de investir na sua maturidade digital, face às novas necessidades. E a verdade é que globalmente demos o maior salto tecnológico registado e, prova disso, é que de acordo com um estudo recente da IDC os investimentos a nível global na transformação digital subiram 10.4% no ano passado, atingindo um total de 1.3 triliões de dólares.

Desta forma, a pandemia veio intensificar a inovação tecnológica, bem como as estratégias de investimento de quase todas as empresas no mundo, uma vez que os desafios económicos e socioeconómicos deixaram claro que as TI são fundamentais para que as empresas consigam sobreviver.

A tecnologia nunca teve um papel tão determinante na vida das organizações e dos indivíduos como atualmente e essa apropriação está, de facto, a transformar os modelos de negócio, a alterar as preferências e as ferramentas de suporte à atividade das empresas. Segundo a IDC, os investimentos em digitalização irão continuar a progredir no futuro e serão responsáveis por 65% do PIB mundial será digitalizado até 2022.

O digital já não é uma tendência, mas sim uma exigência. Possivelmente no ano passado não identificámos muitos desenvolvimentos tecnológicos ou de negócio, mas acelerámos, certamente, muitas das tendências que estavam ainda a dar os primeiros passos. 2020, abriu inúmeras possibilidades a qualquer organização, ao permitir a integração de novas ferramentas e áreas como Data Analytics, Cloud/SaaS (Software as a Service), Inteligência Artificial (IA) e RPA (Robotic Process Automation), que se tornaram fundamentais e irão, seguramente, continuar a desempenhar um papel essencial este ano.

Cada vez mais as empresas procuram soluções chave na mão, e com o conceito de “tudo incluído”, fazendo com que as soluções Software as a Service tenham cada vez mais adeptos. Os grandes fabricantes de Software têm também apostado muito neste segmento e notaremos ao longo deste ano um aumento significativo nesta área.